Monthly Archives: outubro 2013

Palestras sobre posse responsável de animais levam moradores à Amovila

Palestra é ministrada na Amovila

Palestra é ministrada na Amovila

Nesta quarta-feira (30), o biólogo Sérgio Kugler de Azevedo, da Secretaria do Meio Ambiente, e a médica veterinária Wania de Araújo Moreira, chefe de Divisão de Controle de Zoonoses e Vetores da Secretaria da Saúde, estiveram na Amovila (Associação de Moradores da Vila Sahy), na Costa Sul de São Sebastião, onde ministraram palestra sobre posse responsável de animais.
O trabalho teve como alvo o grupo de famílias socioeducativo da Vila Sahy atendidas pelo CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) de Boiçucanga e dá continuidade a um ciclo iniciado em maio deste ano por iniciativa do próprio Centro com o intuito de contribuir para a melhoria da qualidade de vida das famílias por ele atendidas.
A atividade, incluída a cerca de um ano nas ações ministradas pela equipe da Divisão de Educação Ambiental, abordou a importância de se observar, previamente à adoção ou
compra de animais de estimação, aspectos como o espaço disponível no imóvel, as condições financeiras da família que deverão ser suficientes para garantir a saúde e a higiene e alimentação adequadas dos animais. A concordância de toda família com a adoção, as consequências para a saúde pública da presença de animais soltos em vias e logradouros, a importância da castração e as ações realizadas pelo CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) nesse sentido foram igualmente colocadas em pauta pelos profissionais.
Também foram debatidos temas como animais sinantrópicos e descarte correto de resíduos sólidos (lixo e sucata).
Para o biólogo Kugler a reação do público a esse trabalho, que interage e demonstra interesse no assunto, é extremamente satisfatória, contribuindo para a construção de uma visão mais crítica do cidadão e uma necessária mudança de atitudes, resultando em sua maior integração com o ambiente em que vive.

A palestra, desenvolvida por Kugler, contou com apoio do CCZ. Oferecida aos diferentes públicos-alvo, como escolas, empresas, ONGs e interessados em geral, em conjunto com o trabalho sobre lixo e meio ambiente, ou isoladamente, pode ser agendada pelos telefones (12) 3892-6000 ou (12) 3892-2797, ramal 223.

Alunos de Caraguá participam do projeto Trânsito Legal

DSC_9273

O Governo Municipal de Caraguá desenvolveu o projeto “Trânsito Legal – Seja legal no Trânsito, respeite as leis”, que ensina alunos dos 4ª anos da rede municipal de ensino como se comportar e os perigos nas vias públicas.
O projeto foi iniciado junto com o calendário escolar de 2013. No total, são nove aulas, sendo oito teóricas em sala, onde os alunos aprendem sobre a prevenção de acidentes, equipamentos de segurança, função dos agentes de Trânsito e os primeiros socorros.
Nas aulas práticas, os estudantes vão às ruas e orientam os motoristas, ciclistas e pedestres. Em alguns casos, aplicam multas fictícias ou advertem muitas pessoas.
De acordo com a agente de Trânsito e professora no projeto, Luciane Aparecida dos Santos, as crianças aprendem rápido o que é certo e errado. “Queremos informar hoje os principais perigos no trânsito para que, no futuro, esses alunos sejam motoristas mais conscientes e cautelosos”, disse.
A formatura do projeto será na primeira quinzena de dezembro e, aproximadamente, 1700 alunos receberão certificados do projeto Trânsito Legal. Para a festa de encerramento, as crianças estão preparando paródias musicais e teatrais sobre o assunto.

Sport F.C e Real Toque Toque vencem 7ª Copa Costa Sul de Futsal em Boiçucanga

Jogadores do Sport F.C. ganharam da equipe Walkir Vergani

Jogadores do Sport F.C. ganharam da equipe Walkir Vergani

Os jogadores do Sport F.C e as atletas do Real Toque Toque venceram no sábado (26), a 7ª Copa Costa Sul de Futsal em Boiçucanga, na região sul de São Sebastião.
De acordo com o resultado geral da Secretaria de Esportes, o jogo das meninas terminou empatado por 4 a 4 no tempo normal. Já nos pênaltis, a equipe UMBB perdeu por 4 a 3 e foi a vice-campeã da competição. A terceira posição ficou com o Maresias F.C.
Quanto a final da categoria Masculino, a partida também foi definida nos pênaltis e o time Walkir Vergani perdeu por 2 a 0. No tempo normal, o Sport F.C. fez cinco gols em cima do adversário, que marcou a mesma quantidade.
O terceiro lugar ficou com a equipe do Renovação Futsal ao vencer o Titans por 1 a 0.
A artilharia dos jogos masculinos ficou com o atleta Paulo Rogério Passos Junior, do Walkir Vergani, com 21 gols marcados.
Em relação à categoria Feminino, as jogadoras Suelen Cristina, do Real Toque Toque, e Tatiane Nascimento, do UMBB, foram as artilheiras porque marcaram o mesmo número de gols: sete cada.
As equipes mais disciplinadas foram Golden Boys (Masculino) e Maresias F.C. (Feminino). O goleiro menos vazado foi o Josival Justino Santos, do Sport F.C. Já a goleira que menos sofreu gols foi Rosilene P. Carvalho, do Real Toque Toque.

No total, a competição registrou 562 gols marcados; 130 cartões amarelos e 14 vermelhos foram aplicados pelos árbitros.

A final da 7ª Copa contou com a presença do secretário de Esportes, Fábio Lopez, e funcionários da pasta; do vice-prefeito Aldo Pedro Conellian; do secretário-adjunto de Segurança Urbana, Marcos Jorge dos Santos; do vereador Ercílio de Souza e do vice-presidente da Lisfuts (Liga Sebastianense de Futsal), Luiz Antônio Sant’anna.

Os jogos tiveram apoio da torcida, que lotou o ginásio de esportes “Astrogildo Gomes de Oliveira”.

Mestre Dominguinhos retorna à França para novo Encontro de Capoeira Angola

Dominguinhos ministra o curso na França

Dominguinhos ministra o curso na França

Nem bem voltou e o sebastianense Domingos Aloizio de Faria já está de malas prontas para retornar à França para mais um Encontro de Capoeira Angola. Da última vez que esteve na Europa, permaneceu por 45 dias aplicando aulas deste jogo de origem afro, em várias partes do continente.
O mestre Dominguinhos, como é popularmente conhecido no meio, permanecerá em solo francês de 4 de novembro a 1º de dezembro, ocasião em que ministrará novamente aulas neste evento promovido pelo mestre Dourado, da Escola de Capoeira Angola Cajueiro em Bordeaux.
Com apoio da Prefeitura de São Sebastião, o capoeirista espera, a exemplo das viagens anteriores, não apenas ensinar as técnicas da Capoeira Angola, mas também trazer na bagagem novas experiências resultantes do convívio em solo francês para compartilhar com seus alunos da escolinha de capoeira da Seesp (Secretaria de Esportes).”Agradeço ao secretário Fábio Lopez e também ao diretor da pasta, David Camargo, os quais sempre deram o maior apoio por acreditarem neste trabalho que desenvolvo em terras estrangeiras levando o nome de nosso município a países por onde tenho passado e transmitido a nossa cultura por meio da capoeira como por exemplo na Alemanha, Holanda e Bélgica, além da própria França”, disse Dominguinhos.
Recentemente, o mestre recepcionou na cidade um grupo de oito alunos austríacos do mestre Perna, para um encontro de uma semana que contou, fora as aulas de capoeira, com vários passeios pelas trilhas locais. “Eles ainda participaram de uma apresentação em frente à Secretaria de Cultura e Turismo. Tudo foi muito bom”, acrescentou.
Único representante do Litoral Norte no encontro em Bordeaux, o mestre Dominguinhos deseja aproveitar a turnê para passar por outros países europeus levando a capoeira consigo. “Sempre temos muito a aprender e a ensinar também e fazemos isso nos ‘papoeiras’, ou seja, nos bate-papos de capoeira. É sempre divertido e instrutivo”, concluiu.

Gran Mestre de Jiu-Jitsu de Ilhabela recebe importantes homenagens da FPJJ em Barueri

O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, recebeu o conhecido Mestre Rezende em seu gabinete na última terça-feira (29/10), acompanhado do secretário municipal de Esportes, Flávio César

O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, recebeu o conhecido Mestre Rezende em seu gabinete na última terça-feira (29/10), acompanhado do secretário municipal de Esportes, Flávio César

O trabalho realizado no município de Ilhabela por João Rezende de Souza Filho, o “Mestre Rezende”, ganha importantes reconhecimentos. Com mais de 800 alunos no arquipélago na rede municipal de ensino – sempre com o mesmo objetivo: formar cidadãos por meio do esporte, mais precisamente pelo Jiu-Jitsu – Rezende recebeu no último dia 21 de outubro, no Teatro Municipal de Barueri, interior paulista, a medalha de mérito como Comendador, pelos relevantes serviços prestados no Estado. A homenagem foi entregue pela Federação Paulista de Jiu-Jítsu (FPJJ). Além disso, “Mestre Rezende” também foi homenageado com a medalha de mérito esportivo pelo serviços sociais realizados em Ilhabela.
O prefeito de Ilhabela, Toninho Colucci, o recebeu em seu gabinete na última terça-feira (29/10), acompanhado do secretário municipal de Esportes, Flávio César. “Uma grande e merecida homenagem ao Mestre Rezende, que tanto faz pelo esporte e pelos cidadãos de Ilhabela”, destaca o prefeito. “O mestre Rezende faz um trabalho incontestável aqui em Ilhabela. Independentemente dos resultados em campeonatos de Jiu-Jitsu pelo país, o mais importante é formar cidadãos”, ressaltou o secretário Flávio César.
Aos 71 anos, João Rezende de Souza Filho dedicou 63 deles ao Jiu-Jitsu. Para ele – que ao longo de sua trajetória esportiva, formou 259 atletas em faixa preta, sendo 13 em Ilhabela – as homenagens são a certeza do que o trabalho está certo. “É uma imensa satisfação receber esse reconhecimento. Isso mostra que estou no caminho certo. Temos a filosofia de, em primeiro lugar, formar cidadãos de bem, honestos, dignos. Os resultados são as consequências deste pensamento. Agradeço o apoio da Prefeitura, do prefeito Toninho Colucci, do chefe de Gabinete Julio Cezar De Tullio e do secretário de Esportes, Flávio César, que é um grande parceiro”, disse Rezende.
Atualmente, João Rezende tem a ajuda de 16 monitores que atendem em todas as escolas municipal da rede de ensino de Ilhabela – exceto a Escola Municipal Dr. Salvador Arena. Alguns alunos do mestre vão participar no dia 24 de novembro, em Itajubá, Minas Gerais, da Taça Cidade de Itajubá de Jiu-Jitsu. O evento será realizado no Ginásio Tigrão, a partir das 9h.

Exposição Arte Anárquica chega a São Sebastião com abertura oficial nesta sexta-feira

O artista já está em processo de montagem da exposição

O artista já está em processo de montagem da exposição

Terá início nesta sexta-feira (1), em São Sebastião, a exposição Arte Anárquica do artista plástico Zé Paulo. As 54 peças ficarão expostas no Observatório Ambiental do Complexo Turístico da Rua da Praia com entrada gratuita.
A exposição é uma retrospectiva da carreira do artista e ficou por dois meses no MACC (Museu de Arte e Cultura de Caraguatatuba), antes de chegar a São Sebastião. Com peças desde o início da década de 90, o nome dado para a exibição das obras, “Arte Anárquica”, foi da curadoria do museu. “Anarquia aqui não tem sentido de bagunça, tem mais um sentido político, de ausência de poder, o sentido real da palavra. É uma exposição eclética; eu não tenho um estilo fixo para retratar minhas obras”, disse o artista.
Biólogo de formação, Zé Paulo diz ainda não acreditar ser um artista. “Tornei-me um artista plástico, mas demorei muito pra acreditar que era um artista; na verdade ainda não acredito”, falou. “A arte é muito especial, tem o poder de fazer as pessoas pensarem e refletirem, o que hoje é raro. O público busca significados para as suas obras e às vezes o que a pessoa imagina, não tem nada a ver com o que eu pensei, mas isso é muito louco, algumas peças nem precisam de explicação por que são obvias”, completou.
Zé Paulo usa da veia satírica e gosta de abusar do debochado em suas peças. Algumas delas são consideradas especiais por ele, como a escultura “O Circo”, que retrata a paixão de sua filha pela arte circense. Outras peças são assustadoras como a “Caixa de Pandora”. Peças musicais, eróticas e interativas também fazem parte da exposição.
Todo material usado para criar as obras são recicláveis encontrados na praia. A maioria delas é de ferro e madeira. Também é usada cerâmica na composição das obras criadas pela esposa de Zé. “Faço a cerâmica que uso nas peças com a ajuda da minha esposa, os outros materiais encontro na praia e guardo na minha casa, um dia viram obra, como é o caso do ‘Camarão’. São pedaços de madeira que juntei ao longo de dois anos e que foram encaixadas”, mencionou.
De acordo com o artista, às vezes as peças são mentalmente elaboradas antes de iniciar o processo de composição, “outras simplesmente saem, algumas demoram meses para ficar prontas”, explicou.
Início
Zé Paulo começou na Alemanha por acaso. “Ajudava minha esposa na cerâmica e comecei a fazer máscaras e rostos; na cidade que morava tinha uma sede da Amnesty International; nessa época o Brasil estava na ditadura e a funcionária da organização viu o meu trabalho e fez uma associação ao que vivia o País e me chamou para expor as peças, foi um sucesso e vendi tudo”, afirmou.
A partir desse momento, o artista voltou para o Brasil e começou a participar de salões e exposições. Morador de Ilhabela há mais de 20 anos, não é apenas artista plástico, ele se divide entre outras paixões como a música, literatura (como escritor) e vela. Atualmente restaura barcos antigos. “Acabei de restaurar um veleiro 30 pés de 1946”.
Serviço: A exposição fica no Observatório Ambiental até o início de janeiro

Exposição de Ursula Möllhoff vai até 17 de novembro em Ilhabela

A Secretaria da Cultura de Ilhabela recebe a mostra individual da artista plástica Ursula Möllhoff. Na foto, as três alemãs de Colônia, Barbara Nocker, Ursula Möllhoff e Christl Micheletti, artistas e amigas.

A Secretaria da Cultura de Ilhabela recebe a mostra individual da artista plástica Ursula Möllhoff.
Na foto, as três alemãs de Colônia, Barbara Nocker, Ursula Möllhoff e Christl Micheletti, artistas e amigas.

As salas do prédio da Secretaria da Cultura de Ilhabela, na Vila, se encheram de arte na noite de terça-feira (29/10), atraindo artistas plásticos, apreciadores e amigos da alemã Ursula Möllhoff para o vernissage de sua exposição que celebra 50 anos no Brasil.
Promovida pela Prefeitura de Ilhabela, a mostra conta com um acervo que surpreendeu o público visitante. Visitar a mostra é fazer um verdadeiro passeio pelas memórias, críticas, indignações, alegrias e afetos presentes no universo da artista plástica, hoje com 74 anos, que coloca para si o desafio diário de ousar e inovar em suas telas.
Seu primeiro contato com Ilhabela aconteceu há quase 40 anos quando passou a frequentar o local com assiduidade. Algum tempo depois, mudou-se para o arquipélago e começou a se dedicar integralmente à sua arte.
A exposição prossegue até o próximo dia 17 de novembro, na Secretaria da Cultura, à Rua Dr. Carvalho, nº 80, na Vila.

Caraguá recebe Final do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon no domingo (3)

Paratriathlon (1)

A 4ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon e a Triathlon Cup testam os limites dos competidores no próximo domingo (3/11/2013), na Praia do Indaiá. As provas começam às 8h, na altura do Quiosque 35. Cerca de 300 atletas são esperados para os eventos. Além da final do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon, haverá o Festival Aquático Inclusivo.
Os participantes, paralímpicos ou não, competem nas categorias divididas por idade, Militar, Revezamento e Paratriathlon. O percurso Olímpico terá 1.500 m de natação, 40 km de ciclismo e 10 km de corrida. No Fitness, os atletas nadam 375 m, pedalam 10 km e correm 2,5 km. Os circuitos do Paratriathlon e Sprint são compostos por 750 m de natação, 20 km de pedalada e 5 km de prova pedestre. O itinerário do Festival Aquático Inclusivo será formado por 750 m.
A largada do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon será às 8h. Os competidores do trajeto Olímpico largam às 9h. Em seguida, às 10h, começa a prova do Sprint. Às 10h30, tem início o Festival Aquático Inclusivo. Os atletas do percurso Fitness partem às 11h.
A 4ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon e a Triathlon Cup são organizadas pela Federação Paulista de Triathlon (SPTri). O evento conta com o apoio do Governo Municipal de Caraguá, por meio das secretarias de Esportes, dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso, Turismo, Educação e Trânsito, além do Centro Universitário Módulo e da Confederação Brasileira de Triathlon (CBTri).
Inscrições
As inscrições para a Triathlon Cup podem ser feitas no site www.dotsports.com.br/. Os prazos são os seguintes: 3º lote até 30 de outubro (último prazo online) e 4º lote de 31 de outubro a 2 de novembro, se houver vagas remanescentes. A taxa varia de R$ 70 a R$ 320 conforme o lote, período e a categoria. As inscrições para a Final do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon encerraram na última segunda-feira (28).
O cadastro para os atletas, paralímpicos ou não, de Caraguá é gratuito e pode ser realizado na secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso, pessoalmente ou pelo telefone (12) 3897-7023. O endereço é Av. Rio de Janeiro, 860, Indaiá. A inscrição termina nesta quinta-feira (31).

Workshop
O Workshop de Paratriathlon será no dia 1º de novembro, das 8h às 12h30, no auditório do Centro Universitário Módulo (Campus Centro). As palestras serão ministradas pelo coordenador da modalidade, Rivaldo Martins, e pelo diretor de Desenvolvimento do Esporte, Rodrigo Milazzo, ambos da CBTri. No período da tarde, das 14h às 19h30, haverá o Curso de Iniciação em Classificação de Paratriathlon, aplicado pelo médico Roberto Nahon. O profissional é membro do corpo de classificadores da União Internacional de Triathlon (ITU).
Pessoas com diversos tipos de deficiência, como cadeirantes, amputados e atletas com deficiência visual praticam o esporte. Eles são classificados de acordo com suas potencialidades e podem utilizar equipamentos adaptados para o auxílio na locomoção. O workshop é aberto às pessoas interessadas no paratriathlon. Já o curso de classificadores é destinado aos profissionais de educação física, fisioterapeutas e médicos.
No sábado (2), das 8h às 18h, no auditório do Centro Universitário Módulo, haverá 1ª Clínica Brasileira de Paratriathlon, além dos cursos de árbitros e Handlers. Esses profissionais ajudam os atletas com deficiência no deslocamento e outras tarefas, relacionadas à logística da prova como hidratação e sinalização. A qualificação é aplicada pelo Departamento de Paratriathlon da Confederação Brasileira de Triathlon.

Campeonato Brasileiro de Paratriathlon e a Triathlon Cup

Largadas

8h – Paratriathlon

9h – Olímpico

10h – Sprint

10h30 – Festival Aquático Inclusivo

11h – Fitness

Premiação

10h – Campeonato Brasileiro de Paratriathlon

11h30 – Olímpico

11h45 – Sprint

Local: Praia do Indaiá – Quiosque 35

Atletas de Ilhabela são destaque no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu no RJ

Os ilhabelenses foram destaque no Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu Sem Kimono, no Rio de Janeiro.

Os ilhabelenses foram destaque no Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu Sem Kimono, no Rio de Janeiro.

Os atletas ilhabelenses Diego Torres Francisco, Carlos Macknavícius, Kevin Albertini, Fabrício Parreiras e Clehomens Azevedo foram destaque do Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu Sem Kimono, disputado no último fim de semana, no Tijuca Tênis Clube, na cidade do Rio de Janeiro (RJ).
Dois deles foram campeões em suas categorias. Diego Torres Francisco levou o título na faixa roxa master absoluto. Já Carlos Macknavícius ficou com o 1º lugar na faixa roxa senior 2 meio-pesado.
Outros dois atletas foram vice-campeões: Kevin Albertini na faixa preta senior 1 médio e Fabrício Parreiras Aricó, nafaixa preta senior 1 meio-pesado. O lutador Clehomens Azevedo foi bronze faixa azul adulto médio.
“Foram dois meses de preparação para este evento, a equipe lutou muito bem e os resultados são prova disso. Agradecemos o apoio da Prefeitura Municipal de Ilhabela e sua Secretaria de Esportes, especialmente ao prefeito Toninho Colucci, ao chefe de Gabinete Cezar de Tullio, ao Flavinho secretário de Esportes, ao vereador Luizinho, Alda Torres, João Ilha Materiais para Construção e todas as pessoas que nos apoiaram e nos ajudaram informalmente. Todo apoio é muito importante para estas conquistas, muito obrigado a todos”, concluiu Diego Torres.

Famílias da Ilha dos Búzios e Serraria são orientadas quanto ao descarte de lixo e óleo

O objetivo da Prefeitura é orientar os moradores em relação à separação do lixo orgânico e reciclável .

O objetivo da Prefeitura é orientar os moradores em relação à separação do lixo orgânico e reciclável .

Os moradores da comunidade tradicional caiçara de Guanxumas dos Búzios e da Praia da Serraria, em Ilhabela, receberam na semana passada a visita da Equipe de Educação Ambiental, da Secretaria de Meio Ambiente. Ao todo cerca de 20 famílias em Guanxumas receberam orientações em relação ao acondicionamento, a limpeza, a separação e o descarte do lixo reciclável e o lixo orgânico. Periodicamente um barco contratado pela Prefeitura busca todo o material.
A equipe também orientou sobre como usar composteiras e assim reaproveitar o lixo orgânico como adubo para as plantações da própria comunidade. No mesmo dia, a equipe promoveu a ação na comunidade da Praia da Serraria, onde vivem mais de 20 famílias, que em breve contarão com tambores para a coleta de óleo diesel usado e óleo de cozinha. Osm tambores serão disponibilizados pela Prefeitura, que fará a troca periodicamente.
Desde agosto, a comunidade tradicional caiçara do Bonete conta com estes tambores, que são retirados pela Prefeitura. Segundo o coordenador da Equipe de Educação Ambiental, Marcelo Magalhães, a comunidade do Bonete já se adaptou totalmente ao novo sistema de descarte de óleo e o projeto tem dado resultados positivos.